UNIMES

Virtual

UNIMES

Presencial

Boleto

Online

O PORTAL DE CONTEÚDO DA UNIMES

NOTÍCIAS

Direito, UNIMES

Direito abre curso de extensão gratuito na área de Resolução de Conflitos

03/03/2020

Serão duas turmas, em dias e horários distintos; início será nesta terça-feira (3 de março)

A Universidade Metropolitana de Santos (Unimes) tem inscrições abertas para o curso de extensão gratuito em Métodos Adequados de Resolução de Conflitos.

O início do curso é nesta terça-feira (3 de março) e segue até 4 de junho deste ano. Voltado para alunos de graduação, operadores do Direito, professores, gestores e colaboradores, o curso será realizado no Mini Fórum do Direito. Interessados podem se inscrever pessoalmente, nos horários das aulas do curso.

As atividades serão ministradas pela professora da Faculdade de Direito da Unimes, Luciana Formaggio.

Serão duas turmas, em dias e horários distintos: às terças-feiras, das 11h40min às 13h00min, e às quintas-feiras, das 18h00min às 19h20min.

SOBRE O CURSO:
O curso tem por objetivo o desenvolvimento das técnicas e das ferramentas de resolução de conflitos cuja aplicação é adequada a litígios instaurados no âmbito de todas as relações, quais sejam: civil, trabalhista, empresarial, familiar, escolar, segurança, comunitário entre outros.

O oferecimento do curso está em conformidade com a Resolução CNE/CES nº 5/2018, homologado pela Portaria nº 1.351/2018, do Ministério da Educação (MEC). De acordo com a nova exigência do MEC, as instituições de Ensino Superior públicas e privadas devem oferecer formação técnico-jurídica, bem como prática jurídica de resolução consensual de conflitos.

Desta forma, esta matéria está alinhada com a Política Judiciária Nacional de Tratamento Adequado dos Conflitos de Interesses no Âmbito do Poder Judiciário, consolidada por meio da Resolução CNJ nº 125/2010.

É certo que o estudo da mediação de conflitos perpassa o âmbito do Direito. Na Base Nacional Comum Curricular, por exemplo, as competências socioemocionais estão presentes e a cultura da paz deverá ser objeto de estudo em todas as disciplinas curriculares. Portanto, no Brasil, a partir de 2020, todas as escolas também deverão contemplar as competências socioemocionais em seus currículos e, consequentemente, nos cursos relacionados ao ensino.

Assim, por meio dos mecanismos adequados de solução de conflitos, as relações de cidadania são efetivamente alcançadas, pois deslocam para as partes a negociação dos seus próprios interesses, na medida em que buscam um entendimento, com autonomia e equilíbrio, não imposta por um terceiro.
A educação para a gestão de conflitos refere-se ao processo de entendimento e de manejo das emoções, com empatia e pela tomada de decisão responsável. Para que isso ocorra, é fundamental a promoção do conhecimento e das ferramentas nas mais diferentes situações, a fim de evitar o excesso de judicialização.

Comentários
Fale conosco